Kickboxing: Campeonato do Mundo realiza-se em Portugal no próximo ano

Qua, 23/11/2022 - 15:57


Portugal vai receber o Campeonato do Mundo de Kickboxing da World Association of Kickboxing Organizations (WAKO), em 2023. A prova vai realizar-se em Novembro, em Lisboa, na Altice Arena.

A informação foi avançada pelo jornal Record, esta tarde, após a confirmação de Roy Baker, presidente da WAKO.

Portugal concorria à organização da prova com a Macedónia do Norte e Bósnia-Heerzegovina.

Satisfeito com a notícia ficou Luís Durão, treinador da Associação Desportos Combate de Macedo de Cavaleiros/Clube Combate do Nordeste (ADCMC/CCN). “é uma excelente notícia. A WAKO é a principal federação que regula o kickboxing. São as provas mais competitivas e é muito bom que o mundial venha para Portugal. Nós temos sempre atletas a trabalhar e prontos para representar a região e o país”.

Fabrice Fernandes, atleta da ADCMC/CCN, que participou na última semana no Campeonato da Europa de Kickboxing, na Turquia, deverá ser um dos convocados para representar Portugal no próximo ano em Lisboa. “É verdade que nada está garantido, mas está em boa posição. Ele está a ganhar experiência nas disciplinas de tatami, que são as mais competitivas, e esperamos que continue a trabalhar para representar o nosso país”.

E Sónia Pereira, treinadora do Ginásio Clube Mirandelense, diz mesmo que é um dia de festa para o kickboxing nacional. “Hoje estamos em festa. Foi uma grande vitória para nós, para a região e para o país a candidatura de Portugal ter sido aceite. Temos muitos atletas e queremos levar bastantes a esta prova”.

Para Sónia Pereira o desempenho da equipa portuguesa no último europeu, onde somou uma medalha de ouro, uma de prata e cinco de bronze, uma delas conquistada por Catarina Dias, atleta do GCM, pesou na decisão da WAKo, tal como o facto de Portugal ter boas infra-estruturas para receber a prova. “Foi uma comitiva pequena e que trouxe muitas medalhas e isso não passou despercebido, com certeza ao Roy Baker”.

Catarina Dias conseguiu mesmo a qualificação para os Jogos Europeus do próximo ano, na Polónia.
A Federação de Desportos de Combate (FNKDA), que é a entidade reconhecida pela WAKO em Portugal, está já a tratar das questões logísticas para que as datas da prova possam ficar definidas o mais cedo possível.

 

Jornalista: 
Susana Madureira