Desporto Adaptado: APPACDM organiza terceiro Torneio Regional da Castanha de Parahóquei

Qui, 17/11/2022 - 15:04


Cerca de 80 participantes em representação de oito instituições de solidariedade social da zona Norte do País, marcaram presença, ontem, no Pavilhão do Inatel, em Mirandela, na terceira edição do torneio regional da castanha em parahóquei, organizado pela delegação de Mirandela da APPACDM.

Depois da pandemia não ter permitido a realização de encontros desportivos entre instituições, a presidente da direcção da APPACDM de Mirandela, confessa que a retoma destes eventos foi recebida “com muito agrado” por parte dos utentes. “Não há aquele sentimento de alta competição, mas o convívio e a partilha é fundamental nestes momentos e era notória a felicidade em todos eles”, afirmou Vera Preto.

A organização do torneio regional da castanha teve a parceria da ANDDI (Associação Nacional de Desporto para Desenvolvimento Intelectual), cujo presidente não tem dúvidas que “é através do desporto que se consegue concretizar a inclusão”.

José Costa Pereira adianta que não se tratou de nenhum campeonato, porque está “num nível muito mais básico, mas é sempre importante este tipo de actividades, até porque todos estavam ávidos da retoma depois do confinamento”, referiu.

Também a Federação Portuguesa de Hóquei marcou presença na iniciativa. José Bolinhas ficou satisfeito com a disponibilidade manifestada pelas instituições da região para este torneio de parahóquei. “É um projecto muito importante para a federação e é excelente ver tanta afluência a esta iniciativa com algumas equipas que só jogam há um ano, mas já há um ou dois que se destacam bastante, mas o conceito é de objectivos mais característicos da inclusão e da união e só depois a vertente mais competitiva”, adiantou.

No Torneio Regional da Castanha de Parahóquei, que incluiu a realização de jogos lúdicos e um torneio de técnicas individuais, marcaram presença quatro instituições de Bragança, uma do Peso da Régua, outra de Vila do Conde, Vila Nova de Gaia, e a anfitriã, a APPACDM de Mirandela.

Escrito por Rádio Terra Quente (CIR - Cadeia de Informação Regional)