Casa do Touro apresenta tecnologia que permite espreitar tradições

Qui, 29/11/2018 - 10:53


Rio de Onor tem mais um ponto de visitação turístico, a Casa do Touro, um espaço de Memória, na aldeia do concelho de Bragança.

Aqui o turista tem a possibilidade de ao colocar uns óculos, poder ver como era o curral com o touro comunitário e vivenciar experiências de outrora, com recurso às novas tecnologias através de realidade aumentada, como explica Hernâni Dias, presidente do município de Bragança.

“Na casa do Touro foram introduzidas novas tecnologias, fazendo com que as pessoas que ali vão, tenham uma percepção mais correcta daquilo que era a própria vivência da comunidade à época”, explicou Hernâni Dias.

Desde que Rio de Onor foi considerada como uma das 7 maravilhas de Portugal na categoria de aldeias de áreas protegidas, o número de visitantes tem aumentado, destacou Mário Gomes, presidente da União de freguesias de Aveleda e Rio de Onor: “o crescimento de turismo tem sido exponencial. Cada fim-de-semana prolongado, o número de pessoas a visitar a aldeia aumenta e chegam a vir excursões organizadas de Lisboa e Porto”. 

No entanto, o município tem outros projectos para a aldeia, como anunciou o presidente do município de Bragança, Hernâni Dias: “o processo vai alargar-se, apesar de depender muito daquilo que for a capacidade de afectar recursos financeiros ao processo. Mas os projectos passam pela reabilitação da escola para um espaço museológico, criar um espaço de recepção aos turistas, no início da aldeia, junto ao parque de campismo, e a requalificação no centro de convívio da aldeia”.

O investimento na Casa do Touro, em Rio de Onor, foi de 100 mil euros.

Escrito por Brigantia 

Jornalista: 
Maria João Canadas