PUB.

Campanha de vacinação contra a gripe e covid-19 arranca hoje

PUB.

Sex, 29/09/2023 - 09:03


Começa, hoje, para pessoas com 60 ou mais anos e doentes de risco, a campanha de vacinação gratuita contra a gripe e a covid-19

Desta vez, as farmácias estão habilitadas a fazer a administração destas vacinas. De acordo com Eugénia Baptista, directora da Farmácia Bem-Saúde, em Bragança, nesta primeira fase, receberam apenas 70 vacinas para cada uma das doenças, o que é insuficiente face à procura.

“Temos uma lista de espera bastante grande. Infelizmente as doses de vacina que estão disponíveis no momento não são suficientes para a lista de espera que nós já tínhamos, portanto temos que fazer um rácio das marcações. Temos agendamento para a fracção de vacinas que vamos receber neste momento. Já temos agendamentos para hoje e segunda-feira e terminamos a vacinação para esta tranche”, adiantou.

A segunda tranche de vacinas chega a 9 de Outubro. Apesar de a procura ser superior à oferta na Farmácia Bem-Saúde, Eugénia Baptista garante que haverá vacinas para todos até ao final da campanha de vacinação.

“Neste momento não estamos a conseguir colmatar as necessidades dos nossos utentes. O interesse em se vacinarem o quanto antes, porque a temperatura aqui na nossa região muda drasticamente, estamos a falar de pessoas mais sensíveis, algumas delas doentes, e portanto têm muito receio. Mas neste momento tentamos tranquiliza-los e sabemos que vão chegar vacinas para todos, mas não vai ser tudo de uma vez”, disse.

Na Farmácia das Cantarias, em Bragança, também se sente a forte adesão da população para a vacinação contra a gripe e a covid-19. Para hoje, as reservas já estão todas completas, adianta a directora, Juliana Silva.

“Hoje vamos ter o dia cheio. Vai ser o primeiro dia, por isso vamos ver como é que corre. Temos aproximadamente 300 vacinas por isso estamos com uma cobertura muito boa”, referiu.

A farmacêutica lembra que a campanha de vacinação decorre até ao final do ano e, por isso, as pessoas têm bastante tempo para o fazer.

“A época de vacinação prolonga-se até ao final do ano, por isso não há necessidade de as pessoas terem alguma preocupação, porque vamos receber vacinas para toda a gente, faseadamente, mas também vamos ter que vacinar faseadamente, não podemos vacinar todas as pessoas ao mesmo tempo”, realçou.

Este ano, as farmácias vão poder administrar vacinas da gripe e da covid-19, desde que tenham aderido à campanha de vacinação, que começa hoje. Prevê-se que sejam vacinados dois milhões de pessoas em Portugal.

Escrito por Brigantia

Jornalista: 
Ângela Pais