66 empresas do distrito consideradas "PME Líder 2020"

Ter, 02/03/2021 - 08:53


Mais de 60 empresas do distrito de Bragança foram consideradas “PME Líder 2020”.

Um selo criado pelo Instituto de Apoio às Pequenas e Médias Empresas e à Inovação para distinguir as PME nacionais com desempenhos superiores. A Adega Cooperativa de Freixo de Espada à Cinta ficou em primeiro lugar no distrito e na posição 228 a nível nacional.

“A cooperativa tem vindo a fazer um trabalho promocional, que se tem traduzido em vendas e isto é o premiar deste trabalho. Resistimos a 2020. Vendemos mais vinho embalado e engarrafado, portanto o volume de negócio aumentou”, disse José Santos, presidente da Adega Cooperativa de Freixo de Espada à Cinta.

Nesta edição foram reconhecidas 9 mil 955 empresas, mais do que em 2019. Afonso e Silva-Restaurador, com comércio e retalho, foram os segundos do distrito a obter a melhor classificação. A nível nacional ficaram na posição 278.

“Todas as distinções são boas e esta é uma excelência, ou seja, é o culminar de todo o trabalho e esforço diário. Todos os colaboradores trabalham em prol do mesmo fim. É um esforço contínuo e também é uma casa que tem muitas valências, não é só restaurante”, referiu a proprietária, Andreia Santos.

No distrito de Bragança receberam a distinção “PME Líder 2020” empresas de praticamente todos os concelhos, à excepção de Vimioso. A maioria das empresas com esta distinção está sediada no Porto, já o distrito de Bragança está em penúltimo lugar.

Escrito por Brigantia

Jornalista: 
Ângela Pais