Notícias

O município de Bragança reforçou as medidas de apoio aos comerciantes e às empresas, que têm vindo a ser implementadas desde o início da pandemia
A Freguesia de Vale de Telhas, no concelho de Mirandela, tem mais três pessoas infetadas pelo Sars-Cov-2, registando agora um total de 11 casos ainda ativos, depois de terem sido testadas cerca de 70 pessoas, nos últimos dias, sinalizadas pelas autoridades de saúde que estão agora convencidas que o surto naquela freguesia está controlado.
Um dos especialistas ouvidos hoje na reunião do Infarmed defendeu a criação de um novo indicador relativo à Covid-19: o de incidência vizinha para substituir o actual de âmbito concelhio. 
O Município de Vinhais viu aprovada uma candidatura a fundos comunitários para apoiar os produtores no combate às doenças e pragas do castanheiro
O Ministério da Agricultura abriu candidaturas para a substituição de tractores antigos
Os Bombeiros de Macedo de Cavaleiros receberam na sexta-feira uma ambulância nova para repor a que ardeu em Outubro do ano passado, na A4, quando regressava do Porto.
Os órgãos sociais para o próximo biénio tomaram posse, no sábado, em Mogadouro.
O mais recente boletim das autoridades de saúde do distrito de Bragança, relativo às últimas 72 horas (entre o início da tarde de sexta-feira e a tarde desta segunda-feira) confirma que o concelho de Mirandela tem mais 12 infetados (6 na freguesia de Bouça, 3 na freguesia de Vale de Telhas e 3 na cidade), elevando para 17 o número de casos ainda ativos, sendo, o concelho mais afetado do distrito.
O presidente da câmara municipal de Vimioso diz que os critérios que estão a ser utilizados para a elaboração dos mapas de risco de incidência de Covid-19 prejudicam os municípios com pouca população. Vimioso é colocado acima do limiar de risco pelo Governo