Município de Bragança quer abrir as portas do Museu Ferroviário

Qui, 23/06/2016 - 12:01


O Município de Bragança quer investir cerca de 500 mil euros na requalificação do Núcleo Museológico de Bragança do Museu Nacional Ferroviário. Obras que vão permitir, finalmente abrir as portas ao público. O presidente do Município de Bragança, Hernâni Dias, explica que a intervenção se insere no Plano de Estratégico de Desenvolvimento Urbano e garante que as obras avançar em breve.

“Estamos, neste momento, a finalizar o projecto. Tínhamos outro que, entretanto, teve de ser reajustado. Tomamos a opção de aplicar algum do dinheiro do Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU) na reactivação daquela secção museológica. Após a conclusão do projecto, será lançado o procedimento concursal para poder adjudicar as obras”, revelou o autarca.

O objectivo é atrair visitantes ao núcleo museológico.”As obras vão permitir tornar o espaço visitável e que, a partir do exterior, seja possível ver um pouco daquilo que lá existe, de forma a despertar também um pouco a curiosidade das pessoas, para que conheçam todo o espolio do museu”,  frisou. 

O autarca admite que o espaço tem estado encerrado e desorganizado. “Nesta altura o espaço não tem qualquer tipo de visitação, está tudo desorganizado e atulhado no mesmo espaço. O objectivo é dar-lhe uma disposição que permita que as pessoas apreciem a qualidade das peças do museu”, acrescentou Hernâni Dias. A requalificação do Núcleo Museológico de Bragança do Museu Nacional Ferroviário deverá avançar brevemente.

Já as obras do novo Museu Sefardita estão em fase de conclusão. O projecto do arquitecto Souto Moura, que resulta do estudo da influência judaica na região, deverá ser inaugurado em Setembro. Escrito por Brigantia. Foto: www.allaboutportugal.pt.

 

Jornalista: 
Sara Geraldes