Câmara de Mirandela reduziu dívida em 2 milhões de euros

Qua, 18/01/2023 - 08:55


O executivo da câmara de Mirandela diz ter conseguido reduzir a dívida da autarquia em dois milhões de euros, no ano 2022, fixando-se, agora nos dez milhões de euros

Os números são avançados pelo vice-presidente do Município, Orlando Pires, que sublinha ainda o facto de se ter registado uma execução em obras municipais no valor de dez milhões de euros

“Em 2014, a dívida do Município estava em 23 milhões de euros, em 2017 passou para 18 milhões e em 2022 passa para dez milhões, pelo que há aqui um percurso de redução da dívida muito significativo, mesmo na actual conjuntura económica mundial, relativamente ao aumento de preços dos bens, serviços e empreitadas, nas despesas extras de apoio à economia local. Ainda assim, o Município executou em obras municipais 9,8 milhões de euros”, disse.

O vice-presidente garante ainda que em 2022, o Município teve a maior taxa de execução orçamental de sempre, correspondente a 75%.

“Estamos a falar de uma execução orçamental de cerca de 32 milhões de euros, e só para termos uma ideia deste desempenho, basta referir que no ano 2012 a execução foi na ordem dos 20 milhões, em 2017 foi de 21 milhões, em 2020 foi de 24 milhões de euros e em 2021 foi na ordem dos 30 milhões de euros”, explicou.

Orlando Pires afirma ainda que além de o executivo ter conseguido captar mais fundos comunitários para o concelho, a taxa de financiamento foi superior aos anos anteriores, chegando a uma média de 85 por cento. Para o vice-presidente da câmara de Mirandela, os números de 2022 são indicadores da capacidade de gestão do executivo e dos seus trabalhadores.

Escrito por Terra Quente (CIR)