Projecto de apoio à Banda Filarmónica de Bragança foi o mais votado do Orçamento Participativo

Seg, 13/11/2017 - 13:14


Os brigantinos foram chamados a decidir e escolheram os projectos que querem ver concretizados no Orçamento Participativo local.

250 Mil euros é o valor que vai ser distribuído pelo município em sete projectos para a cidade, propostos pelos cidadãos.
Esta iniciativa decorre há 3 anos, na primeira edição votaram nos projectos cerca de 500 pessoas e este ano foram já 5000 as que quiseram dar o seu aval. O presidente da câmara, Hernâni Dias, diz que o objectivo é as “pessoas darem o seu contributo para as políticas municipais.”
No orçamento participativo geral a proposta mais votada foi a aquisição de instrumentos e fardas para a banda filarmónica de Bragança. Paulo Barreira, presidente da direcção da banda, assegura que a instituição tem muitas necessidades que vão agora ser supridas.
“Nós concorremos ao orçamento participativo geral e também ao jovem, por isso já se vê a necessidade que a banda filarmónica tem na aquisição de instrumentos e fardas. Desde que concorremos a esta ajuda, fizemos de tudo para conseguir, mobilizámos o máximo de pessoas que conseguimos por esta nossa causa”, explicou.
Os restantes projectos vencedores do Orçamento Participativo Geral foram a segunda edição do Bragança Granfondo, o arranjo de um largo na aldeia de Frieira, um projecto de “mobilidade e segurança" em Pinela e o centro de cerâmica artesanal e artística de Salsas.
No Orçamento Participativo Jovem foi contemplado o projecto turístico "Welcome to Bragança" e a aquisição de equipamento individual para os bombeiros de Izeda.