PUB.

Campeonato de Portugal: Matias desagradado com a arbitragem na partida com o Felgueiras

PUB.

Dom, 10/02/2019 - 21:23


“Inadmissível e inacreditável” foram as palavras de Matias, técnico do Grupo Desportivo Mirandês, para definir o trabalho da equipa de arbitragem na partida com o Felgueiras, esta tarde.

Um jogo que a formação de Miranda do Douro perdeu por 0-1 e terminou apenas com dez unidades, após a expulsão do médio Bé aos 62 minutos. “Hoje foi um dia mau para a equipa de arbitragem, mas foi um dia mau que prejudicou a minha equipa. Há um lance que é penálti claríssimo em qualquer parte do mundo e, infelizmente, o árbitro fez vista grossa”.

O técnico do Mirandês considera que houve dualidade de critérios do juiz da A.F. Guarda, Renato Gonçalves. “Em todos os lances nossos ou era falta ou amarelo. Ao contrário não assinalava. Se com 11 era difícil com dez ainda foi mais”.

Para Matias o empate era o resultado mais justo. “Atendendo ao que a minha equipa fez e ao que os meus jogadores deram no jogo o empate era o mais justo. Isso não aconteceu porque assim quiseram”.

O Felgueiras também deixou transparecer algum desagrado com a equipa da arbitragem. O técnico, Ricardo Sousa, mostrou-se ainda descontente com a exibição da sua equipa, apesar da vitória.

“Sabemos e devemos fazer muito mais do que aquilo foi feito, independentemente de termos jogado num sintético. Jogamos contra uma equipa muito agressiva que se fosse com um árbitro rigoroso tinha terminado a partida com seis jogadores, o jogo não tinha chegado ao fim. Deixou jogar e perdoou muitos amarelos. Depois, com a expulsão, quando se julgava que as coisas iam ficar mais simples o Mirandês começou a fazer futebol mais directo e não tivemos capacidade de gerir o jogo”.

Para Ricardo Sousa o resultado foi melhor que a exibição. “As minhas equipas que eu treino conseguem mandar no jogo e hoje não foi possível por baixo rendimento de alguns jogadores. Salva-se a vitória mas não estou satisfeito com a exibição”.

O FC Felgueiras tem agora 38 pontos e ocupa o quinto lugar com 21 jornadas realizadas. Quanto ao Mirandês é lanterna vermelha, último classificado, com 10 pontos.

 

 

Jornalista: 
Susana Madureira